Noticias Conhecendo mais


Shoyu usado pela família imperial japonesa está no 26º Festival Nipo-Brasileiro

 

Fábio Guillen, assessoria de imprensa

Quem passar pelo Pavilhão Gastronômico do 26º Festival Nipo-Brasileiro, até o dia 12 deste mês, terá a oportunidade de saborear uma iguaria que faz parte da culinária japonesa: o shoyu. E trata-se de uma linha exclusiva e importada do Japão. O produto da marca Kikkoman é o único utilizado pela família imperial japonesa.

 

O Festival Nipo-Brasileiro importou uma linha desses produtos que está em todas as barracas do Pavilhão Gastronômico. Quem adquirir os pratos não precisa pagar nada a parte para experimentar essa iguaria. O shoyu é um tempero e um molho que está intimamente associado a culinária japonesa, podendo ser considerada a alma dessa cozinha.

 

E o shoyu da marca Kikkoman, a mais conceituada do Japão, não possui corante, aromatizantes e nem conservantes. Os visitantes podem adquirir o shoyu no Festival mesmo. Visite o estande da Kikkoman, que está no Pavilhão Comercial, e se informe. No Pavilhão Gastronômico os visitantes encontrarão pratos típicos da culinária japonesa como yakisoba, yakimeshi, tempura, sushi, sashimi e teppan-yaki. O dinheiro arrecadado no pavilhão será destinado às cinco entidades beneficentes. São elas Acema, Nishi-Honganji, Wajunkai, Seichô-no-Iê e Centro Cultural São Francisco Xavier.


Horários de funcionamento

O 26º Festival Nipo-Brasileiro estará de portas abertas ao público até 12 de setembro. Sempre a partir das 19 horas. Nos dias 12 (sábado) e 13 (domingo), será servido almoço e, por isso, os portões abrem também das 11h às 15 horas. No horário do almoço os portões são liberados incluindo o estacionamento.

 

Valor do Ingresso

O valor da entrada para o Festival Nipo-Brasileiro custa R$ 6 (preço inteiro) e R$ 3 (valor do meio ingresso). 

 

Programação artística de hoje:

19h30: Bon Odori 

20h30: Orquestra Filarmônica da Unicesumar 

21h30: Grupo Saikyou Yosakoi Soran | Show Musical

 



 




Copyright © Site Festival Nipo Brasileiro Desenvolvido por Osmar Loureiro 2015